fbpx
11.9 C
Tomar

Barquinha integra rede nacional de espaços de coworking

Relacionadas

Agrupamento de Escolas de Ferreira do Zêzere cria corrente solidária para ajudar Ingrid

Uma colisão entre três carros na Estrada Nacional 3, na zona do Gaio, Cartaxo, matou, no dia...

Torres Novas: Utentes reclamam por cuidados de saúde

A pretexto de uma reportagem da SIC sobre a falta de médicos nas três extensões de saúde...

Violência doméstica: este ano a PSP já registou 13 285 denúncias pelo crime de violência doméstica

Assinala-se hoje o Dia Internacional para a Eliminação da Violência Contra as Mulheres, consagrado pela ONU em...

CDU promove sessão “contra o aumento dos tarifários da Tejo Ambiente”

Numa iniciativa da CDU de Tomar, tem lugar, este sábado, dia 26 de novembro, pelas 15h00, na...

Junta de Freguesia de Carregueiros promove incentivo à natalidade

A Junta de Freguesia de Carregueiros vai promover um incentivo à natalidade aos bebés nascidos desde 18...

Fernando Freire, presidente da Câmara Municipal de Vila Nova da Barquinha, assinou, hoje, em Vouzela, um Acordo de Cooperação para instalação de espaços de teletrabalho em Vila Nova da Barquinha. A cerimónia contou com a presença da Ministra da Coesão Territorial, Ana Abrunhosa, do Secretário de Estado Adjunto, do Trabalho e da Formação Profissional, Miguel Cabrita, e da Secretária de Estado da Valorização do Interior, Isabel Ferreira.

O concelho integra um grupo pioneiro de 53 municípios a nível nacional, com espaços de coworking sob o lema “Teletrabalho no Interior. Vida Local, Trabalho Global”. Vila Nova da Barquinha tem ainda espaços disponíveis no CAIS espaço empresarial, localizado no centro histórico, junto à Câmara Municipal e Loja do Cidadão.

O estabelecimento destes espaços de coworking, previsto no Programa de Estabilização Económica e Social (PEES), vai contribuir para a dinamização dos territórios do Interior, facilitando a fixação e atração de pessoas e empresas, diminuindo a necessidade de deslocações e a consequente pegada carbónica e melhorando a qualidade de vida das populações do Interior, ao promover a conciliação entre vida profissional e familiar.

As câmaras municipais serão responsáveis pela divulgação destes espaços, ficando o Governo, através das Comissões de Coordenação e Desenvolvimento Regional (CCDR), com a missão de disponibilizar fundos europeus para apoiar a contratação e a mobilidade de trabalhadores, comparticipar a adaptação física destes espaços e a aquisição de mobiliário ou equipamento informático.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisement -

Últimas

Agrupamento de Escolas de Ferreira do Zêzere cria corrente solidária para ajudar Ingrid

Uma colisão entre três carros na Estrada Nacional 3, na zona do Gaio, Cartaxo, matou, no dia...

Torres Novas: Utentes reclamam por cuidados de saúde

A pretexto de uma reportagem da SIC sobre a falta de médicos nas três extensões de saúde...

Violência doméstica: este ano a PSP já registou 13 285 denúncias pelo crime de violência doméstica

Assinala-se hoje o Dia Internacional para a Eliminação da Violência Contra as Mulheres, consagrado pela ONU em 1999 como alerta à sociedade...

CDU promove sessão “contra o aumento dos tarifários da Tejo Ambiente”

Numa iniciativa da CDU de Tomar, tem lugar, este sábado, dia 26 de novembro, pelas 15h00, na Junta de S. João, uma...

Junta de Freguesia de Carregueiros promove incentivo à natalidade

A Junta de Freguesia de Carregueiros vai promover um incentivo à natalidade aos bebés nascidos desde 18 de outubro de 2021.

Descubra a Charola do Convento de Cristo através de uma visita virtual

Está disponível no âmbito de uma parceria entre a ATMPT, a OPCTJ, a VIRTUAL TWIN e a DGPC/Convento de Cristo uma visita...
- Advertisement -

Mais notícias

- Advertisement -