fbpx
25.8 C
Tomar

Livro em homenagem ao padre Mário Duarte

Relacionadas

Direção-Geral da Saúde reconhece ser inevitável a presença de público no Rali de Portugal

A edição de 2021 do Rali de Portugal vai poder realizar-se com a presença de público. A...

Creactivity Bus em Tomar de 10 a 14 de maio

O Creactivity Bus é uma iniciativa da Educaixa (parceria do BPI e Fundação "la Caixa") e vai...

Lurdes Ferromau Fernandes: “Sinto necessidade de dar o meu contributo para mudar o paradigma do que se quer para Tomar”

Esta semana, o Jornal e Rádio "Cidade de Tomar" falaram com a candidata do PSD à Câmara...

Reativada a recolha de papel e cartão no concelho

Já foi reativada a recolha de papel e cartão em todos os restaurantes, hotelaria e comércio do...

A revelação foi feita pelo padre Rui Tereso, na eucaristia do aniversário do padre Mário Duarte Farinha, que completaria, a 3 de maio, 61 primaveras.

O livro pretende tornar viva para sempre a memória do padre Mário Duarte: “Ele está vivo nos corações de cada um de vós, nos corações de todos os que tiveram a graça de viver, conviver, partilhar, como eu tive também essa graça, conheci o padre Mário muitos anos, e da amizade que tínhamos e nutríamos como todos vós, e, por tudo isto temos de sentir essa alegria, da herança que nos deixa, não foi uma herança de tristeza, pois não? É uma herança de alegria, é uma herança de cuidar do outro, é uma herança de proximidade, e, nesse sentido nós temos celebrado as eucaristias”.

O padre Rui Tereso partilhou com todos no dia do aniversário do padre Mário: “Nós e mais duas pessoas vamos elaborar a partir dos textos do padre Mário, um livro, não tem data marcada, ainda, porque é um trabalho um bocado exaustivo, e, neste dia do seu aniversário gostaria de dizer que estamos a preparar os escritos, aquelas suas intervenções nas rádios Cidade de Tomar e Hertz, estamos a preparar tudo, estamos a fazer uma coletânea desses escritos, estão a ser divididos por temas, para depois o apresentarmos e publicarmos, e, assim tornarmos vivo seu trabalho”.

Como o padre Mário semeou nos nossos corações, “nós, também, somos chamados a semear nos corações de uns dos outros, e, como ele dizia naquele texto que está muito belo, tornar uma Igreja viva, e, uma Igreja viva é uma Igreja de esperança, uma Igreja de alegria, é uma Igreja de amor, é uma Igreja comprometida, é uma Igreja onde as pessoas se querem empenhar, onde sentem alegria através da sua vida, não dando glória de si mesmas, mas dando glória ao Pai, ao Filho, ao Espirito Santo, como o fez o padre Mário”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisement -

Últimas

Direção-Geral da Saúde reconhece ser inevitável a presença de público no Rali de Portugal

A edição de 2021 do Rali de Portugal vai poder realizar-se com a presença de público. A...

Creactivity Bus em Tomar de 10 a 14 de maio

O Creactivity Bus é uma iniciativa da Educaixa (parceria do BPI e Fundação "la Caixa") e vai...

Tuna Templária apresenta “20 anos de história” em mostra fotográfica na Casa Vieira Guimarães

A Casa Vieira Guimarães, à entrada da Corredoura, em Tomar está a receber uma...

Lurdes Ferromau Fernandes: “Sinto necessidade de dar o meu contributo para mudar o paradigma do que se quer para Tomar”

Esta semana, o Jornal e Rádio "Cidade de Tomar" falaram com a candidata do PSD à Câmara Municipal de Tomar, Lurdes Ferromau...

Reativada a recolha de papel e cartão no concelho

Já foi reativada a recolha de papel e cartão em todos os restaurantes, hotelaria e comércio do concelho, por parte da RSTJ.

Ténis Clube de Tomar concluiu as competições na fase regional de Interclubes

O Ténis Clube de Tomar realizou, no passado fim de semana, três encontros com as suas equipas de Interclubes. Na sexta feira,...
- Advertisement -

Mais notícias

- Advertisement -