fbpx
11.8 C
Tomar

Remoção de fibrocimento nas escolas arranca esta semana

Relacionadas

Federações apresentaram propostas para integração do desporto no Plano de Recuperação e Resiliência

As federações de andebol, futebol, basquetebol, patinagem e voleibol apresentaram ontem, dia 26, um documento com uma...

Município e Politécnico de Tomar assinam protocolos para intensificar a colaboração

O Município de Tomar e o Instituto Politécnico de Tomar (IPT), através dos seus presidentes, assinaram, esta...

Direção da Associação de Futebol de Santarém reúne para discutir a retoma das competições

A Direção da Associação de Futebol de Santarém (AFS) esteve reunida ontem, dia 25, “para avaliação da...

Corte temporário de eletricidade na Av. General Norton de Matos, Rua Santa Iria e imediações este domingo, dia 28

A E-Redes Distribuição de Electricidade, SA informa que vai efetuar trabalhos de remodelação e conservação das redes...

Burger King de Tomar criou 25 postos de trabalho

Foi inaugurado a 24 de fevereiro, o Burger King de Tomar, um espaço de restauração com mais...

Na segunda feira, dia 25 de janeiro, o Município de Tomar consignou as obras de substituição das coberturas de fibrocimento nas escolas de Santa Iria e de Santa Maria do Olival à empresa Fachaimper, Lda.

Os trabalhos começam hoje, se as condições meteorológicas assim o permitirem, uma vez que só podem ser realizadas sem ocorrência de chuva e, preferencialmente, durante os períodos de interrupção lectiva como acontece de momento devido ao atual confinamento geral.

Ambas as intervenções possuem planos de segurança validados pela ACT (Autoridade para as Condições do Trabalho) e pelo Município de Tomar e a fiscalização acompanhará diariamente o processo de remoção.

Os trabalhos decorrerão por edifício, sendo retirada a cobertura e reposta de seguida. A retirada das peças, para além de outras medidas, é feita após o seu humedecimento, para minimização da formação de poeiras e imediatamente encapsulado.

O risco para os funcionários das escolas é mínimo, uma vez que não estarão presentes no edifício em manutenção, sendo inexistente o risco para os moradores das habitações junto às escolas, devido à distância do local da intervenção e devido às medidas de segurança acauteladas.

As obras terão a duração prevista de 60 dias e um custo de 116.516€ para a Escola de Santa Maria do Olival e de 110.345€ para a Escola de Santa Iria.

Aguardando-se ainda a validação do plano de segurança pela ACT, semelhante intervenção acontecerá na EB23 Gualdim Pais, prevendo-se iniciar nos próximos dias.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisement -

Últimas

Federações apresentaram propostas para integração do desporto no Plano de Recuperação e Resiliência

As federações de andebol, futebol, basquetebol, patinagem e voleibol apresentaram ontem, dia 26, um documento com uma...

Município e Politécnico de Tomar assinam protocolos para intensificar a colaboração

O Município de Tomar e o Instituto Politécnico de Tomar (IPT), através dos seus presidentes, assinaram, esta...

Direção da Associação de Futebol de Santarém reúne para discutir a retoma das competições

A Direção da Associação de Futebol de Santarém (AFS) esteve reunida ontem, dia 25, “para avaliação da atual situação, analisar os novos...

Corte temporário de eletricidade na Av. General Norton de Matos, Rua Santa Iria e imediações este domingo, dia 28

A E-Redes Distribuição de Electricidade, SA informa que vai efetuar trabalhos de remodelação e conservação das redes de distribuição, sendo para tal...

Burger King de Tomar criou 25 postos de trabalho

Foi inaugurado a 24 de fevereiro, o Burger King de Tomar, um espaço de restauração com mais de 300m2, localizando-se Avenida...

Covid-19: Tomar sem novos casos

Hoje, dia 25 de fevereiro, há registo para sete novas infeções de Covid-19 nos concelhos do ACES do Médio Tejo, atingindo um...
- Advertisement -

Mais notícias

- Advertisement -