fbpx
18.3 C
Tomar

PSD recomenda limpeza na Ponte da Vala

Relacionadas

Associação de Antigos Alunos do Liceu/ESSMO Tomar anuncia encontro para outubro de 2021

A Associação de Antigos Alunos do Liceu Nacional de Tomar/Escola Secundária Santa Maria do Olival anunciou, no...

Campanha “Viajar sem pressa” no Comando Distrital de Santarém

O Comando Distrital de Santarém da PSP, no período compreendido entre o dia 13 e 19 de...

Junta de freguesia visita Centro Escolar de São Pedro

O início do ano letivo, em setembro de 2020, com quase uma centena de crianças, caracterizou-se por...

Covid-19: Médio Tejo com mais seis casos positivos

O Médio Tejo soma, desde terça feira, mais seis pessoas infetadas com o coronavírus, atingindo um total...

ADIRN promove visita para identificar pontos fortes na freguesia dos Bugalhos (Alcanena)

No âmbito das ações de capacitação e animação do território, aprovadas na sua estratégia local, a ADIRN – Associação...

Destacando o trabalho que está a ser feito a nível de limpeza do rio e no Açude de Pedra, ação que é de vital importância para o correr do rio e para o ambiente, o PSD, através do vereador Francisco Madureira, apresentou, na reunião de câmara, na segunda feira, uma recomendação no sentido de que a ação de limpeza se possa estender à vala da fábrica, através dos meios da câmara. O vereador do PSD lembrou que esta vala ajuda ainda algumas pessoas que ali fazem as suas hortas e que a sua limpeza é fundamental.

O vice presidente, Hugo Cristóvão, avançou que estão previstas algumas ações, no próximo verão, nomeadamente entre a cidade e Marianaia, no entanto, no caso da vala, esta é totalmente privada, sendo que “os proprietários dos antigos terrenos da fábrica têm aqui uma responsabilidade maior porque, no caso do açude, o rio confina com outros proprietários, mas na vala não”.

Além disso, disse Hugo Cristóvão que para uma intervenção naquele espaço teria de se realizar uma contratação externa, uma vez que as máquinas da câmara não estão aptas para esse tipo de serviço.

1 COMENTÁRIO

  1. A pergunta que se impõem é se não existem mecanismos legais que obriguem os proprietários a efectuar a limpeza ou, em caso de incapacidade, se a Câmara não os pode substituir, apresentado-lhes depois os custos inerentes. Fazer a limpeza do rio e, deixar a vala ou abandono, quando correm lado a lado, é que não parece fazer sentido…A questão não é de que vala ajude algumas pessoas que por ali tem hortas. A questão é de saúde pública. Como está, cheia de vegetação, e com a água quase parada, é que não devia ficar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisement -
- Advertisement -

Últimas

Associação de Antigos Alunos do Liceu/ESSMO Tomar anuncia encontro para outubro de 2021

A Associação de Antigos Alunos do Liceu Nacional de Tomar/Escola Secundária Santa Maria do Olival anunciou, no...

Campanha “Viajar sem pressa” no Comando Distrital de Santarém

O Comando Distrital de Santarém da PSP, no período compreendido entre o dia 13 e 19 de...

Junta de freguesia visita Centro Escolar de São Pedro

O início do ano letivo, em setembro de 2020, com quase uma centena de crianças, caracterizou-se por ser totalmente atípico. A pandemia...

Covid-19: Médio Tejo com mais seis casos positivos

O Médio Tejo soma, desde terça feira, mais seis pessoas infetadas com o coronavírus, atingindo um total de 881 casos registados desde...

ADIRN promove visita para identificar pontos fortes na freguesia dos Bugalhos (Alcanena)

No âmbito das ações de capacitação e animação do território, aprovadas na sua estratégia local, a ADIRN – Associação do Desenvolvimento do Ribatejo Norte...

Assista ao concerto online do 31.º aniversário da RCT entrando na reunião Zoom agendada

A Rádio "Cidade Tomar" assinala esta terça-feira, 20 de outubro, o seu 31.º aniversário e dá-lhe a oportunidade de assistir ao concerto...
- Advertisement -

Mais notícias

- Advertisement -