Inicio REGIÃO Entroncamento: Jorge Faria defende reposição da pesca lúdica no Tejo

Entroncamento: Jorge Faria defende reposição da pesca lúdica no Tejo

0

Na reunião de câmara de 1 de fevereiro, o presidente da Câmara do Entroncamento, Jorge Faria, manifestou a sua solidariedade para com o descontentamento dos munícipes inibidos da prática da pesca lúdica no rio Tejo no troço entre Abrantes e a Ponte da Chamusca.

No documento remetido para a intervenção do público na referida reunião, o munícipe refere, entre outros argumentos, que grande parte dos praticantes de pesca lúdica do Entroncamento são aposentados para quem esta é uma forma de se manterem ativos e contribuir para a sua saúde mental, menciona ainda que “o pescador lúdico não constitui uma ameaça às espécies autóctones, antes pelo contrário, ao ter liberdade para pescar as espécies invasoras e predadoras tende a manter o equilíbrio do ecossistema”, argumentos com os quais o presidente da autarquia manifestou a sua total concordância.

Jorge Faria, indicou que, parecendo esta decisão exagerada e profundamente injusta, irá solicitar justificação para mesma junto do ICNF e a defesa junto dos deputados à Assembleia da República eleitos pelo distrito da reafetação de troços do rio para pesca lúdica.

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Exit mobile version