fbpx
28.7 C
Tomar

Economia: TomarDrive assinala 1 ano de atividade

Relacionadas

Pronta ação da patrulha da GNR de Tomar evita tragédia

Uma mulher de 54 anos tentou colocar termo à vida, na madrugada de...

Despedimento coletivo na IFM/Platex preocupa eleitos de Tomar

A IFM/Platex - Indústria de Fibras de Madeira, S.A. em Tomar avançou, na...

Protocolos da Secretaria de Estado das Comunidades formalizam gabinetes de apoio ao emigrante no Médio Tejo

Dezoito anos depois de terem sido criados pelo Secretário de Estado das Comunidades...

Chumbada na assembleia municipal moção “Tomar não é racista”

O tema do racismo foi recorrente na última sessão de assembleia municipal de Tomar, realizada a 31...

Eleitos de Tomar aprovam criação de um Conselho Municipal do Ambiente

Foi aprovada por maioria, na sessão de assembleia municipal de Tomar de 31...
Elsa Ribeiro Gonçalves
Elsa Ribeiro Gonçalves
Nasceu em Tomar em 1976. Licenciada em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social do IP Lisboa. É jornalista desde 2005, sempre na imprensa regional. Mãe de uma menina, a escrita e as viagens são as suas outras grandes paixões.

A Escola de Condução TomarDrive assinalou na quarta-feira, 24 de junho, o seu primeiro ano de atividade reunindo a sua equipa e alguns convidados, entre os quais a comunicação social, num jantar de aniversário no Restaurante O Tabuleiro.

Amílcar Ferreira, director da escola e instrutor de condução com mais de 30 anos de experiência no ramo, é o rosto desta Escola de Condução e fez um balanço positivo do ano que passou. “Superou todas as expectativas. Faz hoje 1 anos que abrimos portas, depois de um processo que não foi fácil, e tivemos centenas de inscrições e uma taxa de 95% de aprovações. Viemos trazer algo de diferente ao ensino de condução”, referiu, acrescentando que nesta escola ninguém paga a taxa de reprovação. “Todos nós equipa e alunos estamos de parabéns e partimos para o mesmo objectivo: aprovação à primeira”.

O diretor da TomarDrive garantiu que a taxa de reprovação vai ser mantida, ou seja, quem chumbar não paga mais por repetir o exame. Sublinhou ainda os protocolos estabelecidos com 3 escolas do concelho de Tomar: Esc. Sec. Jácome Ratton, Esc. Santa Maria do Olival e Escola Profissional de Tomar que possibilita um desconto de 50% na carta de condução para os alunos com melhores notas escolares e com menores recursos financeiros. Estes nomes são fornecidos pelas escolas. “A carta de condução é um bem cada vez mais essencial, quer para o lazer quer para o mercado de trabalho”, referiu.

Passado o encerramento forçado devido à pandemia, a escola TomarDrive adaptou-se de modo a garantir o cumprimento de todas as normas definidas pela Direção Geral de Saúde (DGS). Desde o início que possibilita aos alunos cinco aulas de código por dia e também ao sábado de manhã e de tarde. Tem todas as categorias de ligeiros e motociclos, sendo objetivo a curto prazo também a categoria de pesados.

No último ano, passaram pela TomarDrive mais de três centenas de alunos, referiu Amílcar Ferreira que agradeceu ainda à sua equipa os excelentes resultados obtidos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisement -
- Advertisement -

Últimas

Pronta ação da patrulha da GNR de Tomar evita tragédia

Uma mulher de 54 anos tentou colocar termo à vida, na madrugada de...

Despedimento coletivo na IFM/Platex preocupa eleitos de Tomar

A IFM/Platex - Indústria de Fibras de Madeira, S.A. em Tomar avançou, na...

Protocolos da Secretaria de Estado das Comunidades formalizam gabinetes de apoio ao emigrante no Médio Tejo

Dezoito anos depois de terem sido criados pelo Secretário de Estado das Comunidades do PSD e agora deputado...

Chumbada na assembleia municipal moção “Tomar não é racista”

O tema do racismo foi recorrente na última sessão de assembleia municipal de Tomar, realizada a 31 de julho. Evocando as afirmações...

Eleitos de Tomar aprovam criação de um Conselho Municipal do Ambiente

Foi aprovada por maioria, na sessão de assembleia municipal de Tomar de 31 de julho, a moção do...

Assembleia municipal de Tomar: voto de pesar por Alda Faria

Reunida na tarde de sexta-feira, 31 de julho, no auditório da Biblioteca Municipal, a assembleia municipal de Tomar iniciou os trabalhos com...
- Advertisement -

Mais notícias

- Advertisement -