RSS Facebook  Twitter 
Pesquisar   

 

Festival Por Estas Bandas traz bandas do Barreiro e Médio Tejo a Cem Soldos
Redação | 2017-04-19 12:00:38
Dias 22 e 23 de abril
  • A 6.ª edição do Festival Por Estas Bandas chega a Cem Soldos a 22 e 23 abril, num duelo entre duas das regiões mais criativas do país. Cem Soldos assume-se como ponto de encontro e palco privilegiado para a produção musical independente portuguesa e, a par das edições anteriores do Festival, cria um duelo: num dos lados do ‘ringue’ estarão bandas da região do Barreiro; e do outro lado, do Médio Tejo.
A abrir as hostes, ao final da tarde de sábado (22 abril, 19h), os Just Under jogam em casa, num showcase intimista, com apresentação de novos temas como “OCO”. A sessão de concertos começa mais tarde. Abre o duelo entre as duas regiões, “Os Polegar” sobem ao palco Médio Tejo às 22 horas. Volvidos 45 minutos, entram em cena os “The Act-Ups”, no palco Barreiro. A luta continua acesa pela noite dentro com “FEL”, no palco Médio Tejo, às 23h30. A resposta do palco Barreiro não se faz tardar e às 00h15, os “The Dirty Coal Train” irão dar tudo por tudo para ficar por cima do duelo. Mas, os “KWANTTA” não vão deixar o palco Médio Tejo esmorecer e vão com tudo para cima de palco, à 1h15. No final, e para terminar o duelo da melhor maneira, a noite será animada com uns belos pés de dança por parte do Dj set “PartyFiesta”. O Por Estas Bandas volta a reforçar a lógica de promoção de jovens bandas emergentes, criadoras de música independente. Para além dos concertos, vão existir momentos de conversa com músicos, jornalistas e agentes musicais bem conhecidos do público, a partir das 17h (entrada livre). Os temas Agenciamento e Imagem, no sábado, e Bandas e o Processo criativo trazem a Cem Soldos elementos de projectos como Noiserv, Orelha Negra, ou White Haus. Estão ainda previstos workshops técnicos com individualidades bem reconhecidos no panorama musical português - no sábado com a master Class "A Imagem da Música” com André Tentugal (We Trust); no domingo o workshop “Criação Musical Coletiva com António Serginho (Retimbrar).














Comentários