fbpx
16.3 C
Tomar

Francisco Sousa falha o pódio por escassos milésimos de segundo

Relacionadas

Concurso “Dá-me uma tampa!” recolhe 1067 garrafões de tampinhas

A turma A do 11.º ano da ESSMO dinamizou um projeto ao longo do ano letivo que...

13.ª Descida do Nabão em Jangadas Improvisadas é este domingo

A 13.ª Descida do Nabão em Jangadas Improvisadas é este domingo, dia 26 de junho, numa organização...

Marco Marques continua no comando da equipa principal do U. Tomar

Marco Marques vai manter-se como treinador principal da equipa sénior de futebol do U. Tomar!

José Pedro e João Tarana: “Nós queremos é que os sócios, simpatizantes, conhecidos e desconhecidos venham à Gualdim Pais”

No próximo dia 9 de julho, sábado, pelas 22h00, na Praça de Touros, vai ter lugar um...

Município de Tomar recebe distinção “Turismo Militar Português 2021”

O Município de Tomar, a par de outros municípios nacionais, foi distinguido no passado dia 18 de...

A vila de Castro Daire (Viseu) acolheu, no passado dia 11 de setembro, a primeira prova do campeonato da Beira Alta de DHU (downhill urbano). 

Num dia muito agradável e propício à prática da modalidade, o público aderiu em força, e os atletas deram espectáculo pelas escadarias do centro histórico da vila. 

O tomarense Francisco Sousa (Team Ribeirense DH) falhou o pódio por uns escassos 0.50 milésimos de segundo, terminando na quarta posição no escalão de Elites-DH, bem como na tabela geral. 

A prova foi ganha, no Elites-DH masculino, por João Rodrigues (Maiatos), e, no Elites-DH feminino, por Margarida Bandeira (Casa do Povo da Abrunheira). 

“Desde já os meus parabéns à organização, pois estava tudo irrepreensível. Vinha apenas com o objectivo de me divertir, e ganhar algum ritmo competitivo para a pré-época que se segue, mas sabia que podia sair daqui com um bom resultado. Todos os da frente sabíamos que o forte candidato à vitória era o João, pois estava com uma bicicleta de enduro. E numa prova destas, que é muito menos técnica e muito mais física, ele podia tirar partido disso. E foi o que fez; foi claramente um justo vencedor. Numa prova deste tipo, em que normalmente os primeiros da tabela terminam no mesmo segundo, nada pode falhar. Fiz uma má gestão das mudanças no final do percurso e isso custou-me falhar o pódio. De qualquer maneira saio daqui feliz por existir municípios com interesse em promover e divulgar a modalidade, pois este formato é de fácil acesso a qualquer atleta bem como ao público”, salientou o atleta tomarense.

Estiverem em prova 63 atletas e respetivas equipas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisement -

Últimas

Concurso “Dá-me uma tampa!” recolhe 1067 garrafões de tampinhas

A turma A do 11.º ano da ESSMO dinamizou um projeto ao longo do ano letivo que...

13.ª Descida do Nabão em Jangadas Improvisadas é este domingo

A 13.ª Descida do Nabão em Jangadas Improvisadas é este domingo, dia 26 de junho, numa organização...

Marco Marques continua no comando da equipa principal do U. Tomar

Marco Marques vai manter-se como treinador principal da equipa sénior de futebol do U. Tomar! Confirmada a continuidade do...

José Pedro e João Tarana: “Nós queremos é que os sócios, simpatizantes, conhecidos e desconhecidos venham à Gualdim Pais”

No próximo dia 9 de julho, sábado, pelas 22h00, na Praça de Touros, vai ter lugar um espetáculo de Herman José com...

Município de Tomar recebe distinção “Turismo Militar Português 2021”

O Município de Tomar, a par de outros municípios nacionais, foi distinguido no passado dia 18 de junho, em Porto de Mós,...

CaminHaTA para os tomarenses

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), mais de mil milhões de pessoas sofrem de Hipertensão Arterial (HTA), que é um dos...
- Advertisement -

Mais notícias

- Advertisement -