fbpx
17.7 C
Tomar

Encontro da Lusofonia nos dias 1 e 2 de julho na Biblioteca Municipal de Torres Novas

Relacionadas

Centro de Vacinação vai ser desativado e vacinação passa para o 1.º andar do pavilhão municipal

O Centro de Vacinação contra a Covid-19, instalado no Pavilhão Jácome Ratton, em Tomar, está a ser...

Livro de Nuno Garcia Lopes sobre lidar com a perda já está disponível em 2.ª edição

Já está disponível a segunda edição do livro “Os balões que me ensinaram a voar”, com textos...

Autárquicas 2021: Anabela Freitas reeleita presidente da câmara

Autárquicas 2021: Anabela Freitas reeleita presidente da câmara Anabela Freitas foi reeleita presidente da...

Autárquicas 2021: acompanhe a emissão especial da Rádio Cidade de Tomar

O Jornal e Rádio "Cidade de Tomar" vai ter uma equipa de correspondentes na rua, na noite...

Leões de Tomar alcançaram, na Embra, a primeira vitória no campeonato

Primeira vitória em jogos oficiais, esta época! Depois de três derrotas na Elite Cup e de um...
Elsa Ribeiro Gonçalves
Elsa Ribeiro Gonçalves
Nasceu em Tomar em 1976. Licenciada em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social do IP Lisboa. É jornalista desde 2005, sempre na imprensa regional. Mãe de uma menina, a escrita e as viagens são as suas outras grandes paixões.

No âmbito do projeto de cooperação transnacional “Terras da Lusofonia”, a ADIRN enquanto entidade coordenadora e o Municipio de Torres Novas, bem comos os restantes vinte parceiros deste projecto, irão realizar o Encontro da Lusofonia, que decorrerá nos próximos dias 1 e 2 de julho na Biblioteca Municipal de Torres Novas.

Este encontro contará com a presença do Senhor Ministro das Comunidades de Cabo Verde, Engo Jorge Santos bem como a Senhora Secretaria de Estado Secretária de Estado das Comunidades Portuguesas, Dra Berta Nunes.

O tema principal em debate será: “Os desafios da Cooperação em contexto de pandemia”. No painel um será dada voz às experiências em curso de cooperação entre os GAL (Grupos de Acção Local) e as ONG dos países lusófonos, com especial destaque para a participação online de parceiros de Cabo Verde, Guiné, São Tomé e Príncipe e Brasil.

No painel dois será dada voz aos municípios, estando confirmada a presença do Senhor Presidente da Camara de Ribeira Grande, Eng. Orlando Delgado que dará testemunho da geminação do Município da Ribeira Grande em Santo Antão com Torres Novas, estando ainda representados outros municípios dos territórios parceiros que
apresentarão as suas experiências no âmbito desta temática, em que o objetivo será a articulação dos diversos instrumentos de cooperação para otimizar o desenvolvimento dos territórios.

Neste painel serão ainda apresentadas experiências de intercâmbio
cultural e científico, nomeadamente na área do ensino Universitário, contando desde já com a participação do Instituto Politécnico de Tomar, Universidade de Aveiro e Escola
Agrária de Coimbra.

O Painel três será dedicado a perspetivar o futuro da cooperação no Quadro de Apoio. Aqui serão apresentadas as conclusões dos Grupos de Trabalho organizados no dia anterior entre os participantes, mas também com as entidades da tutela,
confirmando-se a presença do Engo. Rui Rafael, Coordenador da Área do Desenvolvimento Local da AGPDR2020, bem como da Presidente da Federação Minha Terra, Enga Ana Paula Xavier e do Secretário de Estado dos Negócios Estrangeiros e da Cooperação, Dr. Francisco André, que encerrará os trabalhos.

O projeto de cooperação Terras da Lusofonia, insere-se na medida 10.3 – Cooperação dos GAL do PDR2020, tendo como parceiros 21 entidades portuguesas (GAL – Grupos de Ação Local): ADIRN; ADDLAP; ADRIMAG; ADRIMINHO; ADL; ADRACES; ADER-
AL; AVEIRO NORTE (AIDA); AVEIRO SUL (AIDA); APRODER; ADRITEM; BEIRA- DOURO; COIMBRA MAIS FUTURO; DESTEQUE; DUECEIRA; MONTE; PINHAL MAIOR; RUDE; SOL DO AVE; TAGUS; TERRAS DE SICÓ quatro parceiros de Cabo Verde: AGRORIG; COOPERATIVA MULHERES DO SAL – A INCUBADORA; ASSOCIAÇÃO DOS AMIGOS DA NATUREZA DE S. VICENTE; PROEMPRESA, um
parceiro do Brasil, INSTITUTO GARBAGE e um parceiro de S. Tomé e Príncipe.

Apresenta como objetivos principais: Implementação e animação da “Casa da Lusofonia”; Disseminação e transferência de conhecimentos e competências; Fomento de trocas culturais e comerciais; Inclusão social; Estímulo à expansão dos agentes
económicos; Apoio á criação de entrepostos comerciais; Reforço da capacidade técnica de gestão e coordenação; Consolidação de parcerias com entidades nos diferentes países parceiros; Promoção e divulgação dos territórios parceiros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisement -

Últimas

Centro de Vacinação vai ser desativado e vacinação passa para o 1.º andar do pavilhão municipal

O Centro de Vacinação contra a Covid-19, instalado no Pavilhão Jácome Ratton, em Tomar, está a ser...

Livro de Nuno Garcia Lopes sobre lidar com a perda já está disponível em 2.ª edição

Já está disponível a segunda edição do livro “Os balões que me ensinaram a voar”, com textos...

Autárquicas 2021: Anabela Freitas reeleita presidente da câmara

Autárquicas 2021: Anabela Freitas reeleita presidente da câmara Anabela Freitas foi reeleita presidente da Câmara de Tomar e Hugo...

Autárquicas 2021: acompanhe a emissão especial da Rádio Cidade de Tomar

O Jornal e Rádio "Cidade de Tomar" vai ter uma equipa de correspondentes na rua, na noite deste domingo, 26 de setembro,...

Leões de Tomar alcançaram, na Embra, a primeira vitória no campeonato

Primeira vitória em jogos oficiais, esta época! Depois de três derrotas na Elite Cup e de um empate caseiro (3-3), diante do...

U. Tomar manteve registo vitorioso com triunfo suado em Glória do Ribatejo

Sofrida… mas inteiramente merecida! Mais uma vitória tangencial (1-2), desta vez na visita a Glória do Ribatejo, permitiu ao U. Tomar manter...
- Advertisement -

Mais notícias

- Advertisement -