fbpx
18.1 C
Tomar

Audácia tomarense não evitou derrota tangencial em Oliveira de Azeméis

Relacionadas

Vereadora Filipa Fernandes: “Tanto nos partidos como nas instituições, o importante são as equipas e as pessoas que as constituem”

Cidade Tomar - Em tempos de pandemia, quais têm sido as maiores dificuldades durante este mandato em...

Carta Arqueológica do Concelho é lançada domingo em Tomar

A Carta Arqueológica do Concelho, “As origens de Tomar”, da autoria de Carlos Batata e com edição...

CEFT – Centro de Estudos em Fotografia de Tomar apresenta Ciclo de Exposições em Fotografia e Território

O CEFT – Centro de Estudos em Fotografia de Tomar que resulta de uma parceria entre o...

Alunos do Agrupamento Nuno de Santa Maria agem hoje pelo futuro

“Agir Hoje… É Preparar o Futuro!” é o nome da iniciativa que o Agrupamento de Escolas Nuno...

RI15 promove Exercício Final do 9.º Curso de Formação Geral Comum de Praças do Exército

O Regimento de Infantaria 15 promove o Exercício Final do 9.º Curso de Formação Geral Comum de...

O Sp. Tomar/IPT voltou a perder pela margem mínima em casa de um assumido candidato ao título! No dia 27 de março, os leões de Tomar perderam no recinto do Sporting por 4-3; hoje, ao final da tarde, foram batidos pela Oliveirense por um também tangencial 3-2, em jogo em atraso da jornada 17 do principal campeonato nacional.

A equipa tomarense (que tinha vencido este adversário na primeira volta por claro 5-3) entrou muito bem na pista de Oliveira de Azeméis… com três finalizações muito perigosas: Xavier Puigbi negou o golo a Filipe Almeida e Ivo Silva… e Alexandre ‘Xanoca’ Marques, da esquerda… acertou no poste da baliza do guardião espanhol!

Os leões queriam mostrar que podiam lutar pelos três pontos… No entanto, foi a Oliveirense que se colocou em vantagem no marcador, já no minuto 14: o suplente Lucas Martínez, poucos segundos depois de ter entrado em pista, em remate frontal, colocou a bola no lado esquerdo da baliza de Veludo.

Martínez, depois de breves paragens a pedido dos dois técnicos, voltou a tentar por duas vezes, mas Veludo estava no caminho da bola.

Sempre com os olhos na baliza contrária, a equipa tomarense acabou por chegar ao empate a três minutos e 14 segundos do intervalo, por Lucas Honório: num contra-ataque, o jovem avançado (de apenas 17 anos, emprestado pelo Benfica) entrou pela direita… e bateu Puigbi na insistência (quando a bola ficou disponível junto das pernas do guarda-redes espanhol).  

O início da segunda parte não foi feliz para a equipa de Nuno Lopes: logo no segundo minuto, numa rápida transição (e com Xanoca caído na área do adversário…), Marc Torra serviu de bandeja Pedro Moreira, que, na esquerda, com a baliza aberta, não teve dificuldade em desfazer a igualdade (2-1).

Com a Oliveirense a defender de forma mais agressiva, os leões de Tomar não conseguiram responder a este segundo golpe… E, já no minuto 41, o veterano espanhol Jordi Bargalló (de 41 anos) colocou a equipa da casa mais distante no marcador: entrou pela direita e, com um remate cruzado, bateu Veludo: 3-1.

A quatro minutos do final, na cobrança de um livre direto (décima falta da Oliveirense), Lucas Honório permitiu a defesa a Puigbi.

O treinador Nuno Lopes continuou a arriscar no ataque… e, já dentro do último minuto (44 segundos…), na sequência de um remate de Ivo Silva, o árbitro Joaquim Pinto assinalou grande penalidade (bola no patim de Marc Torra?): Rúben Sousa atirou forte e certeiro, e reduziu para a diferença mínima (3-2).  

Mas, mesmo colocando mais um jogador de campo (obviamente, saiu o guardião Francisco Veludo), o Sp. Tomar/IPT não conseguiu o terceiro golo e, assim, evitar o nono desaire no campeonato.

O sexto lugar já estava assegurado e, portanto, o adversário da equipa tomarense nos quartos de final do play-off será o Ó. Barcelos ou o Sporting (ou seja, o segundo classificado). Os leões da capital ganharam, ontem, sexta feira, em Valongo por claro 4-7, num jogo em atraso da jornada 23, e ainda podem roubar o segundo lugar aos barcelenses).

A última jornada da fase regular está agendada para 17 de abril: além das lutas pelos segundo (Ó. Barcelos e Sporting) e quarto (Benfica e Oliveirense) lugares, falta conhecer o terceiro despromovido (Famalicense, H. Braga ou Turquel), que se vai juntar aos já condenados Riba D’Ave e Tigres de Almeirim.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisement -

Últimas

Vereadora Filipa Fernandes: “Tanto nos partidos como nas instituições, o importante são as equipas e as pessoas que as constituem”

Cidade Tomar - Em tempos de pandemia, quais têm sido as maiores dificuldades durante este mandato em...

Carta Arqueológica do Concelho é lançada domingo em Tomar

A Carta Arqueológica do Concelho, “As origens de Tomar”, da autoria de Carlos Batata e com edição...

CEFT – Centro de Estudos em Fotografia de Tomar apresenta Ciclo de Exposições em Fotografia e Território

O CEFT – Centro de Estudos em Fotografia de Tomar que resulta de uma parceria entre o Instituto Politécnico de Tomar (IPT)...

Alunos do Agrupamento Nuno de Santa Maria agem hoje pelo futuro

“Agir Hoje… É Preparar o Futuro!” é o nome da iniciativa que o Agrupamento de Escolas Nuno de Santa Maria vai desenvolver...

RI15 promove Exercício Final do 9.º Curso de Formação Geral Comum de Praças do Exército

O Regimento de Infantaria 15 promove o Exercício Final do 9.º Curso de Formação Geral Comum de Praças do Exército na área...

Francisco Sousa em 11.º lugar na primeira prova da Taça de Portugal de Downhill 2021

Francisco Sousa (Team Ribeirense DH) classificou-se em 11.º lugar na primeira prova pontuável para a Taça de Portugal de Downhill 2021 -...
- Advertisement -

Mais notícias

- Advertisement -