fbpx
21.3 C
Tomar

Secretário de Estado do Desporto pede “fiscalização da consciência” no regresso gradual à atividade desportiva

Relacionadas

Câmara de Tomar e Altice Portugal assinam protocolo de investimento em fibra ótica de nova geração

A Altice Portugal e a Câmara Municipal de Tomar assinaram, esta tarde, no auditório da biblioteca municipal,...

Uma visita ao novo centro Escolar da Linhaceira

Ainda cheirava a novo quando, na quinta-feira, 8 de abril, colocamos o pé dentro do Centro Escolar...

Vereadora Filipa Fernandes: “Tanto nos partidos como nas instituições, o importante são as equipas e as pessoas que as constituem”

Cidade Tomar - Em tempos de pandemia, quais têm sido as maiores dificuldades durante este mandato em...

Carta Arqueológica do Concelho é lançada domingo em Tomar

A Carta Arqueológica do Concelho, “As origens de Tomar”, da autoria de Carlos Batata e com edição...

CEFT – Centro de Estudos em Fotografia de Tomar apresenta Ciclo de Exposições em Fotografia e Território

O CEFT – Centro de Estudos em Fotografia de Tomar que resulta de uma parceria entre o...

João Paulo Rebelo, secretário de Estado da Juventude e do Desporto, pediu a “fiscalização da consciência” individual no processo de desconfinamento da prática desportiva.

O regresso aos treinos e às competições desportivas está anunciado para modalidades de baixo risco a partir de 5 de abril, numa retoma que se estende até 3 de maio e que vai envolver “cerca de 600 mil atletas federados, 50% dos quais de modalidades coletivas”, notou o governante.

Sem fiscalização especial da parte das autoridades, João Paulo Rebelo deseja que “haja a fiscalização da própria consciência” dos praticantes, que “têm de ser responsáveis”, para “não colocarmos em causa todo o trabalho que coletivamente o país tem feito no controlo desta pandemia”.

No passado sábado, na Batalha, onde inaugurou um complexo de padel e assistiu ao lançamento do Campeonato Nacional de trail, agendado para 11 de abril, João Paulo Rebelo relembrou que, a partir de 5 de abril, apenas será permitida a prática de desportos considerados de baixo risco: “Que não haja uma tendência de praticantes de outras modalidades entenderem que podem arrancar as suas modalidades, porque, objetivamente, não podem”, recordando que “só a partir de dia 19 podem iniciar as modalidades de médio risco, onde se enquadram muitas das modalidades coletivas”.

Evoluindo favoravelmente a situação epidemiológica, “a partir de 3 de maio será possível retomar de forma genérica toda a atividade desportiva”.

O secretário de Estado acredita, contudo, que o desconfinamento no desporto será bem sucedido: “Tenho a certeza absoluta que no desporto isso vai acontecer, porque os praticantes e amantes de desporto sabem que o desporto não se pratica sem regras e, portanto, vão, seguramente, eles próprios fazê-lo”.

Sobre o desejo de o futebol profissional voltar a ter espetadores nas bancadas, reforçou que a decisão “cabe às autoridades de saúde”.

“O meu desejo é que o mais rapidamente possível isso possa acontecer, porque tenho a noção de que o público faz parte do espetáculo desportivo. Agora, a primazia das nossas decisões e ação está na saúde individual e coletiva”, acrescentou.

Com Lusa

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisement -

Últimas

Câmara de Tomar e Altice Portugal assinam protocolo de investimento em fibra ótica de nova geração

A Altice Portugal e a Câmara Municipal de Tomar assinaram, esta tarde, no auditório da biblioteca municipal,...

Uma visita ao novo centro Escolar da Linhaceira

Ainda cheirava a novo quando, na quinta-feira, 8 de abril, colocamos o pé dentro do Centro Escolar...

Vereadora Filipa Fernandes: “Tanto nos partidos como nas instituições, o importante são as equipas e as pessoas que as constituem”

Cidade Tomar - Em tempos de pandemia, quais têm sido as maiores dificuldades durante este mandato em relação aos seus pelouros?

Carta Arqueológica do Concelho é lançada domingo em Tomar

A Carta Arqueológica do Concelho, “As origens de Tomar”, da autoria de Carlos Batata e com edição do Município de Tomar, vai...

CEFT – Centro de Estudos em Fotografia de Tomar apresenta Ciclo de Exposições em Fotografia e Território

O CEFT – Centro de Estudos em Fotografia de Tomar que resulta de uma parceria entre o Instituto Politécnico de Tomar (IPT)...

Alunos do Agrupamento Nuno de Santa Maria agem hoje pelo futuro

“Agir Hoje… É Preparar o Futuro!” é o nome da iniciativa que o Agrupamento de Escolas Nuno de Santa Maria vai desenvolver...
- Advertisement -

Mais notícias

- Advertisement -