fbpx
15.9 C
Tomar

Federação Portuguesa de Futebol criou fundo de dois milhões de euros para apoiar clubes com provas suspensas

Relacionadas

Igreja de S. João Baptista: conclusão das obras adiada para o final de 2022

Foi aprovada, por unanimidade, na reunião de câmara, na segunda feira, a prorrogação do prazo para a...

Mais de cem pessoas na descida do Nabão em jangadas improvisadas

Foram 115 as pessoas que participaram, no passado domingo, dia 26 de junho, na 13.ª Descida do...

CIM do Médio Tejo marcou presença em Fátima na 10.ª edição dos workshops internacionais de Turismo Religioso

A convite da Associação Empresarial Ourém-Fátima (ACISO) e em colaboração com o Município de Ourém, a CIM...

Concurso “Dá-me uma tampa!” recolhe 1067 garrafões de tampinhas

A turma A do 11.º ano da ESSMO dinamizou um projeto ao longo do ano letivo que...

A Federação Portuguesa de Futebol (FPF) anunciou hoje, em comunicado, que criou um fundo, no valor de dois milhões de euros, de apoio a clubes que tiveram as competições suspensas devido à pandemia de Covid-19.

“Face ao impacto gerado pela pandemia de Covid-19, a direção da FPF decidiu instituir um novo fundo de apoio destinado a ajudar os clubes das provas nacionais e distritais que foram obrigados a suspender a sua atividade”, lê-se no referido comunicado oficial.

O fundo terá um montante global de dois milhões de euros, tendo uma parte a fundo perdido e outra a título de empréstimo, até 1.500 euros para clubes da segunda divisão feminina e primeiras divisões distritais, 1.250 para outras divisões distritais e terceira feminina e 1.000 euros para as formações de futsal.

Assegura a FPF que todos os clubes destas competições podem candidatar-se a estes apoios, sendo que cada associação distrital e regional vai receber 15 mil euros, assim como um valor variável por cada clube que estava em atividade em janeiro de 2021 nas provas distritais.

“O objetivo deste novo fundo é permitir que as associações distritais auxiliem os clubes das suas competições neste período especialmente difícil em que as provas foram suspensas devido à pandemia bem como auxiliar diretamente os clubes participantes nas provas nacionais”, explicou a FPF.

Com o atual estado de emergência, em vigor desde 14 de janeiro, apenas os campeonatos profissionais, I Liga e II Liga, e “equiparadas”, casos dos principais escalões nacionais seniores de futebol feminino, futsal e o Campeonato de Portugal estão a decorrer, tendo os restantes sido suspensos, situação que se mantém desde março de 2020 para a formação.

Com Lusa

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisement -

Últimas

Igreja de S. João Baptista: conclusão das obras adiada para o final de 2022

Foi aprovada, por unanimidade, na reunião de câmara, na segunda feira, a prorrogação do prazo para a...

Mais de cem pessoas na descida do Nabão em jangadas improvisadas

Foram 115 as pessoas que participaram, no passado domingo, dia 26 de junho, na 13.ª Descida do Nabão em Jangadas Improvisadas, numa...

CIM do Médio Tejo marcou presença em Fátima na 10.ª edição dos workshops internacionais de Turismo Religioso

A convite da Associação Empresarial Ourém-Fátima (ACISO) e em colaboração com o Município de Ourém, a CIM do Médio Tejo esteve mais...

Concurso “Dá-me uma tampa!” recolhe 1067 garrafões de tampinhas

A turma A do 11.º ano da ESSMO dinamizou um projeto ao longo do ano letivo que visou recolher o máximo de...

13.ª Descida do Nabão em Jangadas Improvisadas é este domingo

A 13.ª Descida do Nabão em Jangadas Improvisadas é este domingo, dia 26 de junho, numa organização do Moto Organizadora de Competição...
- Advertisement -

Mais notícias

- Advertisement -