Jornal Cidade de Tomar

Anabela Freitas afirma que “não houve qualquer incompatibilidade com o comandante dos bombeiros”

Sobre a saída de Carlos Gonçalves do Comando dos Bombeiros de Tomar, Anabela Freitas, presidente da câmara, referiu, na reunião do executivo de 9 de dezembro, que “não houve qualquer incompatibilidade entre Carlos Gonçalves e o município”, reforçando, que o mesmo cumpriu “a missão que lhe foi destinada”.

A autarca disse ainda que a saída de Carlos Gonçalves foi “trabalhada há algum tempo” e que o mesmo, pertencendo ao quadro do município, irá continuar ao serviço da câmara, mas noutras funções que o mesmo irá escolher de acordo com os seus conhecimentos.

Disse ainda que os bombeiros vão contar, em janeiro, com um novo comandante formado nos Sapadores.

Exit mobile version