fbpx
3.6 C
Tomar

Chumbada na assembleia municipal moção “Tomar não é racista”

Relacionadas

Sofia Marmelo, Maria José Pinto e João Valente alcançaram mínimos para os Campeonatos de Portugal

Sofia Marmelo, Maria José Pinto e João Valente estiveram em destaque na quinta jornada de Absolutos da...

Município de Tomar estende acesso livre à internet a novos pontos na cidade e nas freguesias

Na sequência das intervenções já realizadas no âmbito do Tomar WiFi, que permitiu dotar vários espaços da...

Mais 199 casos de Covid-19 no Médio Tejo

No domingo, dia 17 de janeiro, registaram-se mais 199 novos casos de Covid-19 nos concelhos do ACES...

Subiu para 40 o número de casos no Lar de S. José

O surto de Covid-19 no lar de S. José, situado no Carrascal, subiu de 12 para 40...

Convento de Cristo fechado até 30 de janeiro

O Convento de Cristo, bem como todos os palácios, museus e monumentos sob a tutela da Direção...
Elsa Ribeiro Gonçalves
Elsa Ribeiro Gonçalves
Nasceu em Tomar em 1976. Licenciada em Jornalismo pela Escola Superior de Comunicação Social do IP Lisboa. É jornalista desde 2005, sempre na imprensa regional. Mãe de uma menina, a escrita e as viagens são as suas outras grandes paixões.

O tema do racismo foi recorrente na última sessão de assembleia municipal de Tomar, realizada a 31 de julho. Evocando as afirmações da deputada do Bloco de Esquerda, Maria da Luz Lopes na assembleia anterior – que afirmou que Tomar era das cidades mais racistas que conhecia – Lurdes Ferromau Fernandes, da bancada do PSD explicou que o grupo municipal que representa não concorda com o teor das afirmações proferidas. A moção acabou por ser chumbada com os votos contra do PS, CDU e BE.

“Não concordamos com esta afirmação. Sabemos que hoje em dia existem muitas situações que nos levam a verificar que existe menos tolerância a um nível geral e que tem-se vindo a agravar também devido a esta pandemia. Verificamos que, por pequenos motivos, se empolam várias reacções contudo entendemos que no nosso concelho esta não é a prática. Os tomarenses não se revêm nesta designação de Tomar ser racista, daí termos trazido esta moção para que fique bem vincada esta posição”, disse.

Maria da Luz Lopes (Bloco de Esquerda) usou da palavra referindo que “não foi muito hábil” na forma como comunicou na última sessão de assembleia municipal mas que também não veio para aqui para ser enxovalhada ou para a sua família ser enxovalhada”. Maria da Luz Lopes referiu que disse aquilo que pensava. “Quando digo que Tomar tem, de facto, de alterar o seu comportamento tem a ver com o comportamento pessoal, com o que se diz. No meu grupo de relacionamentos não existe ninguém racista. A nível mundial, Portugal foi considerado o terceiro país da Europa mais racista”, disse.

O deputado independente, Américo Pereira, referiu quanto à moção sobre “Tomar não é racista”, considerando que para “a extrema-esquerda tudo é racismo”. Exemplo disto é o caso da denominação do estádio municipal com o nome de António Eduardo Fortes (Totói). Diz que “é provocatório dizer que Tomar é racista e que é ofensivo reconhecer Tomar como território racista”.

Hugo Costa, do PS, referiu que o PS diz que não irá votar a moção do PS quanto ao racismo e que não irá alimentar discussão sobre o assunto. Já João Tenreiro, do PSD, usou da palavra, em seguida, para referir que, quanto à moção “Tomar não é racista” e reportando-se às palavras de Hugo Costa, que “se o PS vota contra, considera que Tomar é uma cidade racista”.
A moção acabou mesmo por ser chumbada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisement -
- Advertisement -

Últimas

Sofia Marmelo, Maria José Pinto e João Valente alcançaram mínimos para os Campeonatos de Portugal

Sofia Marmelo, Maria José Pinto e João Valente estiveram em destaque na quinta jornada de Absolutos da...

Município de Tomar estende acesso livre à internet a novos pontos na cidade e nas freguesias

Na sequência das intervenções já realizadas no âmbito do Tomar WiFi, que permitiu dotar vários espaços da...

Mais 199 casos de Covid-19 no Médio Tejo

No domingo, dia 17 de janeiro, registaram-se mais 199 novos casos de Covid-19 nos concelhos do ACES do Médio Tejo, atingindo um...

Subiu para 40 o número de casos no Lar de S. José

O surto de Covid-19 no lar de S. José, situado no Carrascal, subiu de 12 para 40 casos, entre utentes, funcionárias e...

Convento de Cristo fechado até 30 de janeiro

O Convento de Cristo, bem como todos os palácios, museus e monumentos sob a tutela da Direção Geral do Património Cultural, vão...

Cinquenta casos de Covid-19 no CIRE

A presidente do Centro de Integração e Reabilitação de Tomar (CIRE), Célia Bonet, confirmou, esta manhã, à Rádio Cidade de Tomar a...
- Advertisement -

Mais notícias

- Advertisement -