fbpx
15.9 C
Tomar

Capela S. Gregório alvo de intervenção

Relacionadas

Igreja de S. João Baptista: conclusão das obras adiada para o final de 2022

Foi aprovada, por unanimidade, na reunião de câmara, na segunda feira, a prorrogação do prazo para a...

Mais de cem pessoas na descida do Nabão em jangadas improvisadas

Foram 115 as pessoas que participaram, no passado domingo, dia 26 de junho, na 13.ª Descida do...

CIM do Médio Tejo marcou presença em Fátima na 10.ª edição dos workshops internacionais de Turismo Religioso

A convite da Associação Empresarial Ourém-Fátima (ACISO) e em colaboração com o Município de Ourém, a CIM...

Concurso “Dá-me uma tampa!” recolhe 1067 garrafões de tampinhas

A turma A do 11.º ano da ESSMO dinamizou um projeto ao longo do ano letivo que...

Uma equipa da empresa de restauro Ca CO3 esteve a trabalhar nos últimos dias na consolidação estrutural da padieira da Capela de São Gregório, junto ao Hotel dos Templários, em Tomar. Os trabalhos ficaram concluídos esta segunda-feira, 20 de julho.

De acordo com uma nota enviada pelo município, em 2017, face ao risco de queda de um dos lintéis de pedra calcária da galilé, por fratura do mesmo, o Município procedeu ao seu escoramento, de forma a salvaguardar a integridade física dos seus visitantes. Na altura, foi dado conhecimento desta situação à Paróquia e à Direção-Geral do Património Cultural, alertando para o eminente risco de colapso da estrutura e solicitando a intervenção destas entidades na resolução do problema.

Perante o agravamento da situação e a demora de resposta e actuação por parte das entidades competentes, a autarquia tomou a decisão de contratar uma empresa de restauro, a Ca CO3, que, após a aprovação da DGPC, procedeu à consolidação estrutural do lintel.

O processo de restauro consistiu na perfuração longitudinal do lintel e introdução de um varão em aço inox de 30mm de diâmetro, com um comprimento de aprox. 80cm, embebido em resina epóxi reforçando estruturalmente a zona fraturada.

A Capela de S. Gregório, classificada como Imóvel de Interesse Público desde 1948, é propriedade da Diocese de Santarém – Paróquias de S. João e Santa Maria do Olival.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisement -

Últimas

Igreja de S. João Baptista: conclusão das obras adiada para o final de 2022

Foi aprovada, por unanimidade, na reunião de câmara, na segunda feira, a prorrogação do prazo para a...

Mais de cem pessoas na descida do Nabão em jangadas improvisadas

Foram 115 as pessoas que participaram, no passado domingo, dia 26 de junho, na 13.ª Descida do Nabão em Jangadas Improvisadas, numa...

CIM do Médio Tejo marcou presença em Fátima na 10.ª edição dos workshops internacionais de Turismo Religioso

A convite da Associação Empresarial Ourém-Fátima (ACISO) e em colaboração com o Município de Ourém, a CIM do Médio Tejo esteve mais...

Concurso “Dá-me uma tampa!” recolhe 1067 garrafões de tampinhas

A turma A do 11.º ano da ESSMO dinamizou um projeto ao longo do ano letivo que visou recolher o máximo de...

13.ª Descida do Nabão em Jangadas Improvisadas é este domingo

A 13.ª Descida do Nabão em Jangadas Improvisadas é este domingo, dia 26 de junho, numa organização do Moto Organizadora de Competição...
- Advertisement -

Mais notícias

- Advertisement -