fbpx
Inicio ENTREVISTA João Cabral da FrentMaster fala das dificuldades do setor audiovisual

João Cabral da FrentMaster fala das dificuldades do setor audiovisual

0
307

Devido à pandemia que assola o mundo inteiro, o setor do audiovisual conta com um prejuízo de 300 milhões de euros. O Jornal “Cidade de Tomar” falou com João Cabral, responsável pela FrentMaster-Audiovisuais,Lda, uma empresa que se dedica ao aluguer, venda e manutenção de equipamentos audiovisuais, a fim de saber como a pandemia está a afetar esta empresa, que dispõe de todo o tipo de equipamento necessário para realizar a produção de espetáculos, festivais, concertos, congressos, feiras, festas académicas, tournees e apresentações ou qualquer outro evento.

CT – Quando foi criada esta empresa, a FrentMaster-Audiovisuais?

João Cabral (JC) – A FrentMaster-Audiovisuais foi criada em março de 2015. Eu tinha tido outra empresa que encerrou e trouxe todo o know-how dessa outra empresa para a FrentMaster, atualizando-a com equipamento e tecnologia modernos.

CT – Quantos colaboradores tem a empresa?

JC – Diretos tem apenas um, depois indiretos, pessoas que trabalham a recibo verde e que são chamadas quando há trabalho, são oito.

Nuno Grácio

Leia a entrevista na íntegra na edição impressa, amanhã nas bancas, ou na edição digital.

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here